Redução de gordura sem cortes é tema de bate-papo gratuito do Vitta

Na hora de reduzir gorduras localizadas, os primeiros procedimentos que vêm à cabeça são as cirurgias de lipoaspiração. Porém, nem todas as pessoas se sentem confortáveis com essas técnicas invasivas e nem sempre elas são realmente necessárias. No dia 25/06, sábado, às 10h30, o especialista em medicina estética do Vitta Geraldo Calleya irá bater um papo com interessados em redução de gordura sem cortes e sem sofrimento, explicando as técnicas mais modernas para alcançar esse resultado. O evento gratuito e aberto ao público é o Papo Vitta, realizado mensalmente na sede do Vitta (Rua Comendador Rheingantz, 880).

Entre as técnicas que serão explicadas estão a criolipólise, a ultracavitação e a técnica enzimática. São práticas de última geração, não invasivas, e que têm maior efeito sobre a redução de gordura localizada. “A gordura é necessária para o metabolismo do ser humano, porém, às vezes, ela produz efeitos indesejados. Nosso objetivo com essas técnicas é reduzir os comprometimentos estéticos nos pacientes”. Segundo o especialista, não existe a melhor técnica para cada caso, todas elas funcionam de acordo com os objetivos do paciente e das características do procedimento. “Vai depender das preferências da pessoa, da disponibilidade de tempo e de recursos financeiros, pois existem técnicas para todos os gostos”.

A criolipólise, por exemplo, é uma técnica de referência quando se trata de redução de gordura, que já tem mais de um milhão de procedimentos realizados no mundo. “Ela vem se consolidando pela sua segurança, pouco ou nenhum desconforto sentido pelo paciente e por sua efetividade. Mais de 80% das pessoas que passam por ela estão satisfeitas”, explica Calleya.

Conheça as técnicas que serão esclarecidas no Papo Vitta:

Criolipólise: Essa é a técnica mais resolutiva. Em uma única sessão é possível diminuir de 20 a 30% da gordura da área tratada. Ou seja, se o paciente estiver tratando uma área que tem cerca de 400g de gordura, pode perder de 80 a 120g após a primeira sessão, que dura em torno de uma hora. A redução acontece através do congelamento da célula que carrega a gordura. Quando congelada, ela se expande, como se fosse uma garrafa de vidro colocada no congelador, e explode. A célula estica e sua membrana se rompe, liberando a gordura que estava dentro dela para o organismo. A partir daí, essa gordura pode ser metabolizada pelo corpo ou mesmo eliminada, mas não estará mais localizada em uma área específica, pois não existirá mais ali uma célula para recaptá-la.

Ultracavitação: O aparelho faz com que a célula de gordura seja destruída através de pulsos de ondas sonoras de alta frequência. Essas ondas focadas em uma área específica de gordura produzem bolhas dentro da célula, que a explodem, também liberando a gordura para ser metabolizada em outra parte do organismo. A sessão tem duração de cerca de 20 minutos e a quantidade a ser feita varia de acordo com cada paciente. Segundo o especialista do Vitta, é possível diminuir 10% da gordura da área tratada na primeira sessão.

Técnica Enzimática: Esse procedimento nada mais é do que colocar produtos químicos que dissolvem a gordura na área, através de injeções. As agulhas são pequenas e a sessão dura apenas o tempo da aplicação, de 10 a 15 minutos. Mesmo fazendo uso de seringas, ela não é considerada invasiva, pois usa menos de dois centímetros de profundidade, não deixa marcas ou cicatrizes, não causa sofrimento extremo, nem precisa de preparações como pré e pós-operatório. Ou seja, o paciente faz o procedimento e consegue sair andando da clínica, já com uma redução de cerca de 10% da gordura local.

SERVIÇO
O quê: Papo Vitta com Dr. Geraldo Galleya sobre redução de gordura com técnicas não invasivas
Quando: Sábado, 25 de junho, às 10h30
Onde: Vitta Centro de Bem-Estar Físico (Rua Comendador Rheingantz, 880)

Deixe seu comentário